• RSS Ultimos Toques…

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

O Cenário Ideal Para Suas Vendas

ARQUITETURA PROMOCIONAL:

Por Juliana Abib F. de Barros e Sayonara A. Grillo, arquitetas.

O termo Arquitetura Promocional pode passar a impressão de algo complexo e inatingível para a maioria dos lojistas, mas na verdade nada mais é do que um ramo da Arquitetura destinado a todo o espaço de vendas ou exposição de produtos, ou seja, lojas, galerias, shopping centers, feiras comerciais e exposições.


O mercado varejista tem se tornado cada vez mais competitivo, com clientes exigentes, conhecedores dos seus direitos e cientes também da diversidade de opções oferecidas pelo mercado, seja em variedade, qualidade ou preço. Agregar valor aos produtos tornou-se essencial, fator que tem levado muitos empresários a repensar seus negócios, buscando fidelizar clientes e “encantá-los”, com estratégias que façam com que estes sintam prazer em ir à loja fazer compras.


Parece óbvio, mas nem sempre o projeto arquitetônico consegue agregar o valor desejado aos produtos de uma loja. Em alguns casos, quando não é feito um estudo adequado ou somente um aspecto é valorizado (o fator estético, por exemplo), o projeto pode até atrapalhar. Tente imaginar uma loja de calçados populares, decorada com materiais luxuosos, iluminação indireta e poucas peças na vitrine. Com certeza esta loja não atingirá bom faturamento, pois não está direcionada ao seu público alvo.


É neste contexto que entra a importância da Arquitetura Promocional (ou Visual Merchandising). Quando se aplica o conceito de Visual Merchandising, todos os aspectos da loja são incorporados ao estudo. Existe, obviamente, uma grande preocupação estética, mas esse fator passa a trabalhar em conjunto com a funcionalidade. Definindo-se o público alvo, o profissional responsável tratará de criar uma imagem única e coerente com a proposta da loja, gerando assim uma identidade visual condizente com todos os aspectos da empresa.

 

D I C A S P A R A O V A R E J O

Eugenia & Aliomar

Vitrine para o dia a dia, o que mudou?

Conceito do tempo: realce do produto, foco no produto, mensagem compacta, transparência nos preços, comunhão com o estoque.

Dinâmica dos produtos: investir no visual do Produto, alterar em maior freqüência a vitrine, escolha da mensagem do produto.

Interagir com o Produto: conhecimento da equipe pelo que está na vitrine, segurança para o cliente do que é apresentado, investimento em merchandising.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: