• RSS Ultimos Toques…

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

O receio dos líderes em delegar tarefas

Você se lembra daqueles colegas de colégio que, nos trabalhos em grupo, tomavam a frente de tudo e não deixavam quase nada nas mãos dos amigos? Eram os centralizadores de poder, decisão, atividades. Tudo tinha de girar, necessariamente, em torno deles.

O tempo passou, as pessoas cresceram, mas o medo de que algo dê errado ou a sede de poder continua levando ao mesmo ponto: centralização. É aí que encontramos um dos grandes problemas corporativos do mercado atual – o receio dos líderes em delegar tarefas.

O panorama é sempre o mesmo: proprietários e administradores de empresas estressados, gerentes e supervisores de equipe sobrecarregados, líderes sem tempo sequer para lembrarem que estão ali para serem mais estratégicos e menos operacionais. Se você se encaixa em algum desses grupos, então precisa começar a delegar.

 

Que tal prestar mais atenção em sua equipe? Você vai ver que muitos colaboradores fariam de tudo para ganhar novas oportunidades e é isso que você precisa para delegar pequenas tarefas do seu dia-a-dia. Além de administrar melhor o seu tempo, você abrirá portas para que seus funcionários cresçam e ganhem mais responsabilidade.

 

Um dos pontos fundamentais da delegação é deixar claro para a pessoa o que você espera dela, sempre delegando o objetivo e nunca os procedimentos. Deixe cada um fazer do seu jeito e a seu tempo, até para que você possa, no fim, avaliar os resultados.

A ordem é supervisionar mais e executar menos, mas com bom senso. Cuidado para não se empolgar com a idéia e acabar sobrecarregando sua equipe. Lembre-se de que ela não está ali para servi-lo, mas para trabalhar em prol de uma empresa, um produto ou serviço, uma marca. Sem contar que isso pode arranhar sua reputação perante seus colaboradores, que vão achar que você virou figura dispensável na companhia – esse não é o objetivo.

 Douglas, reveja sua agenda e avalie se você não está com tarefas demais, pequenos trabalhos que podem facilmente ser delegados à sua equipe. Todos têm a ganhar com isso, você não acha?

 

Um grande abraço,

Cleverson Uliana
Editor-executivo da newsletter Liderança
cleverson@lideraonline.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: